Blog sobre a Canábis | Experiência natural
Inicio » Cultivo de canábis » A Melhor Água para a Canábis: Como obtê-la?


08.10.21

A Melhor Água para a Canábis: Como obtê-la?

Juntamente com a luz e nutrientes, a água para a canábis é vital para a nutrição das plantas. Além de ajudar na fotossíntese, também mantém a temperatura interna da planta baixa. Mais importante ainda, traz todos os nutrientes do solo para as raízes para que possa consumir o que precisa.

O tipo de água que utilizamos afecta significativamente a nutrição das plantas. Assim, temos de ter a certeza que estamos hidratar o cultivo utilizando apenas o tipo de água mais adequado. Isto é especialmente valioso quando queremos produzir cabeças grandes com enormes quantidades de THC.

Em geral, há muitos tipos de água disponíveis para os cultivadores. Aqui estamos a incluir água da torneira, água da chuva, água purificada e água destilada. Quando se trata de disponibilidade, todos elas são acessíveis e baratas. Mas qual delas oferece os melhores resultados no cultivo da canábis?

Neste artigo, iremos explorar os diferentes tipos de água e a forma como afectam as plantas da canábis, o seu crescimento e a colheita final. Aprenderemos também a equilibrar e corrigir os problemas com a água mais comuns, de modo a que este recurso esteja disponível de forma ideal para o crescimento. Continua a ler para saber tudo sobre a melhor água para a canábis.

Melhor agua para a marijuana

Escolher a Melhor Água para a Canábis

Tal e como mencionamos antes, a qualidade da água é crucial para o crescimento saudável das plantas. Portanto, nesta secção discutiremos os vários tipos de água para a canábis e as suas características específicas. Desta forma, estaremos cientes das suas propriedades e tomaremos as decisões mais corretas sobre a sua utilização. Mas primeiro, devemos conhecer os sintomas que demonstram que as plantas sofrem de má qualidade da água.

Os Sinais que indicam Problemas de Água para a Canábis

Em geral, as plantas vão parecer fracas e murchas. Além disso, podem apresentar sinais de várias carências nutricionais. Na pior das hipóteses, elas vão deixar de crescer e poderás dizer adeus ao teu sonho de recolher umas boas flores. Aqui está uma lista completa de todos os sintomas de uma má escolha na água para a canábis:

Sintomas na folha:

Folhas amarelas ou castanhas

– Folhas queimadas

– As folhas da parte de cima (novas) afetadas

– As folhas da parte de baixo (velhas) afetadas

– Todas as folhas afetadas

– As pontas das folhas queimadas

– Manchas

– Crescimento lento

– As folhas curvam-se para baixo

Sintomas da planta:

– Caules debilitados

– Crescimento lento

– Planta murcha

– Planta debilitada

Sintomas nas raízes:

– Coloração acastanhada

– Mau cheiro

– Mofo

– Crescimento lento

Se a água para a canábis de má qualidade chegar às raízes, a planta pode demorar muito tempo a recuperar. Também perdem a sua vitalidade e tornam-se muito vulneráveis a pragas e doenças. Portanto, se as raízes forem danificadas por água para a canábis de má qualidade, pode facilmente matar a planta.

Tipos de Água para a Canábis

Basicamente, existem dois tipos principais de água: água macia e água dura. Curiosamente, os seus nomes não têm nada a ver com o seu aspecto ou sensação. Em vez disso, baseamos esta classificação na concentração de minerais que contêm. A unidade de medida para avaliar de que tipo de água se trata é 1 mg de contaminante mineral por litro de água = 1 ppm.

Recorda de que não importa que tipo de água utilizas se regas em demasia, por isso é importante saber como evitar o excesso de água e como regar a tua planta de canábis de forma eficiente.

Água Dura

A água dura é definida como a água que tem um elevado teor de minerais dissolvidos. Em primeiro lugar, a água dura contém um elevado teor de cálcio e magnésio. Este tipo de água não é a melhor água para a canábis, mas se este for o tipo de água da tua região, existem soluções.

Para medir a sua dureza, analisamos quantos miligramas de sais de cálcio se encontram num litro de água. Assim, 200-400 mg/L é a gama para água dura enquanto 400-550 mg/L é a água muito dura. Esta última terá de ser filtrada a fim de se tornar a melhor água para a canábis.

Em geral, a água da torneira situa-se na gama de 170-390 mg/L. Este é um valor aproximado, uma vez que a dureza da água pode variar muito mesmo dentro do mesmo país ou região. Embora este nível de dureza não seja perigoso para os seres humanos, o consumo deste tipo de água para a canábis pode ser prejudicial.

Muitas vezes, os depósitos de cálcio nas raízes podem bloquear a absorção de outros nutrientes, levando a problemas para um crescimento das plantas. Se não for corrigido, isto geralmente resulta em deficiências de nutrientes. Por conseguinte, devemos “amaciar” a água dura para a tornar mais adequada para o cultivo.

A Água Macia

Em contraste com a água dura, a água macia contém pouco ou nenhum mineral. De acordo com a escala de dureza da água, menos de 150 mg/L é muito macia, enquanto 150-200 mg/L é simplesmente macia. Este tipo de água para a canábis é boa e pode ser aplicada directamente nas plantas.

Um bom exemplo de água macia é a água da chuva, embora durante a sua viagem possa acabar por ser contaminada com vários minerais quando atinge o solo e escorre. Em qualquer caso, é um dos melhores tipos de água para as plantas. Outros grandes exemplos são a água purificada, ionizada e destilada.

Melhor agua para a canabis

Como equilibrar a Água para a Canábis

Encontrar o equilíbrio certo na dureza da água para a canábis é um desafio para muitos cultivadores. Para as plantas de canábis, a água perfeita é macia, na gama de 100-150 ppm ou mg/L. Isto significa que quanto mais suave for a água, mais benéfica é para a canábis.

Infelizmente, a água da torneira em muitas zonas do mundo, tais como áreas perto de montanhas, junto ao mar ou em grandes cidades, supera, em muitos casos, esta gama de concentrações. Então, como tornar a água dura numa água mais macia? Os métodos que se seguem irão mostrar-nos como o podemos fazer.

Osmose Inversa e Filtros Iónicos

Embora possamos “amaciar” a água utilizando outros tipos de agentes, isto poderá ser potencialmente mais prejudicial para as plantas do que a utilização de osmose. Nestes processos alternativos de amaciamento da água, o sódio é um ingrediente essencial que remove o cálcio e o magnésio, os principais sedimentos minerais da água para a canábis de má qualidade.

No entanto, os sais de sódio podem acumular-se no solo e aderir-se às raízes ao longo do tempo. Consequentemente, o elevado teor de sal engana a planta, fazendo-a acreditar que consumiu água suficiente. Nesse caso, a planta morrerá de sede. Portanto, é preferível utilizar sistemas de purificação da água especiais, tais como osmose inversa ou filtros iónicos.

Outros sistemas fiáveis são a filtração e a destilação com carbono. Estes purificam a água dura removendo de forma segura todos os minerais, sais e outras impurezas. Assim, obtemos água pura que permite às plantas absorver totalmente os nutrientes do solo. Além disso, preserva a saúde das raízes.

Produtos

Muitas vezes, os métodos acima mencionados tornam a água demasiado macia. Uma vez que 100-150 ppm é a gama ideal que produz plantas de canábis saudáveis, devemos ajustar o nível de dureza adicionando produtos que equilibrem a água. Assim, utilizando um contador TDS, verificamos o número de sólidos dissolvidos na água e podemos ajustá-los ao valor correcto.

Corrigir os problemas de água para a Canábis

Infelizmente, os cultivadores têm de lidar com vários problemas relacionados com a qualidade da água para a canábis. Muitas vezes, o problema deriva de uma alta concentração de certos minerais presentes na água da torneira. Felizmente, existem formas fáceis de os corrigir.

Alta concentração de sódio

Como mencionado, um elevado teor de sódio pode ser prejudicial ao cultivo da canábis. Mas um solo extremamente seco com elevado teor mineral pode ser ainda pior. Para resolver este problema, alimentar as plantas com água filtrada para ajudar a diluir a alta concentração de minerais. Para uma solução mais prolongada é importante melhorar a drenagem do solo e utilizar água muito equilibrada.

Alto conteúdo de enxofre na Água para a Canábis

A água para a canábis que cheira a enxofre é altamente ácida e pode facilmente enfraquecer as plantas. Para ter a certeza, utilizar um medidor de pH para confirmar a suspeita, depois adicionar cal ao solo para o tornar menos ácido. Descobre tudo sobre o pH e a electrocondutividade da canábis neste artigo.

Água Clorada

Na maioria dos casos, a água da torneira contém uma quantidade razoável de cloro. Mas quando a concentração é demasiado elevada, isto pode matar muitas bactérias benéficas que ajudam as raízes na absorção. Além disso, quando o sol está demasiado quente, o cloro pode reagir e queimar os nutrientes no solo.

Para resolver este problema, o melhor é utilizar filtros de carvão activado ou produtos químicos que removam o cloro. Para alguns cultivadores, deixar a água de um dia para o outro é, muitas vezes, a solução. Mas a melhor solução seria comprar um sistema de osmose inversa para obter o melhor tipo de água para a canábis.

A Água correta produz Plantas Felizes

Em conclusão, água para a canábis de boa qualidade é vital para plantas saudáveis que produzem altos rendimentos e cabeças potentes. Felizmente, mesmo que só se tenha acesso à água da torneira, existem formas de a ajustar para a tornar mais adequada ao cultivo. Para melhores resultados, investir em sistemas especiais de tratamento e purificação de água e equipamento de medição de minerais, tais como um medidor de pH e TDS.

Agua para a canabis

Também podes aplicar estas técnicas à rega gota a gota.

Agora que sabemos como obter o melhor tipo de água para a canábis, podemos ter a certeza de que as estamos a alimentar da melhor forma. Se começarmos com boas sementes e suprimos as necessidades alimentárias básicas, a utilização de água bem equilibrada irá ajudá-las a prosperar ainda mais. Assim, pratica este hábito de rega de forma consistente e desfruta de uma colheita bem sucedida no final da época de cultivo.

Este foi o nosso artigo sobre a melhor água para a canábis. Se tiveres alguma dúvida, por favor informa-nos na secção de comentários. Espero que tenhas gostado e obrigado pela leitura 🙂

Se gostaste deste artigo porque não lês Quais são as melhores canábis americanas 2020? e Descobre a Melhor Canábis para Exterior 2020: o Top 5.

Imagens retiradas de Pexels

Clique para avaliar este post!
(Votações: 0 Promedio: 0)
Avatar for Igor Vieira

Autor: Igor Vieira

Licenciado en Biología Molecular, gestor de contenidos y responsable de tienda en Experiencia Natural. Viviendo la vida, hablando de Cannabis Sativa, padre. Número de colegiado es 20787-X.

Palavras relacionadas:
A Melhor Água para a Canábis: Como obtê-la?
A Melhor Água para a Canábis: Como obtê-la? Descobre, neste artigo, a melhor água para a canábis, que nunca lhe falte este recurso e que este seja da melhor qualidade e ofereça os melhores resultados.
https://www.semillas-de-marihuana.com
Sementes de canábis

Artigos relacionados

Comentários

6 comentários para "A Melhor Água para a Canábis: Como obtê-la?"

Deixa o teu comentário